Perguntas frequentes

Com as perguntas frequentes queremos responder às dúvidas frequentes de quem está interessado no projeto franquia Minipreço. Qualquer dúvida, entre em contacto connosco

   

 más 

Perfil

Procuramos pessoas empreendedoras, com capacidade de trabalho e que queiram assumir um compromisso com a marca, a franquia Minipreço

1. É necessário ter qualidades específicas ou experiência na distribuição alimentar para gerir uma franquia Minipreço?

Procuramos candidatos responsáveis, com vocação comercial, empenhados e com capacidade de gerir equipas. Experiência prévia na distribuição alimentar será valorizada, mas não é um fator fundamental. Estamos preparados para o ajudar e assim o faremos, transformando o seu problema numa vantagem.

2. É possível delegar a gestão da loja em outra pessoa/funcionário?

É possível mas não é aconselhável. Num negócio em que se regista um elevado nível de faturação mas com margens ajustadas, torna-se essencial que o franqueado tenha uma parte ativa na gestão operacional da loja, não sendo recomendado que delegue a totalidade da gestão do negócio.

3. Atualmente tenho um supermercado, poderei transformá-lo numa Franquia Minipreço?

Sim, a nossa equipa de expansão terá de validar se o local cumpre as características mínimas definidas para uma loja Franquia Minipreço (localização, tamanho, custos, etc.). Caso a avaliação seja positiva, a DIA acompanhará todo o processo de reconversão.

4. Poderei ter mais do que uma loja?

Sim, mas antes de dar este passo é importante garantir que o negócio está consolidado e que todas as condições necessárias estão reunidas (experiência, equipada formada, capacidade financeira, etc.).

mas

Perfil

1. É necessário ter qualidades específicas ou experiência na distribuição alimentar para gerir uma franquia Minipreço?

Procuramos candidatos responsáveis, com vocação comercial, empenhados e com capacidade de gerir equipas. Experiência prévia na distribuição alimentar será valorizada, mas não é um fator fundamental. Estamos preparados para o ajudar e assim o faremos, transformando o seu problema numa vantagem.

2. É possível delegar a gestão da loja em outra pessoa/funcionário?

É possível mas não é aconselhável. Num negócio em que se regista um elevado nível de faturação mas com margens ajustadas, torna-se essencial que o franqueado tenha uma parte ativa na gestão operacional da loja, não sendo recomendado que delegue a totalidade da gestão do negócio.

3. Atualmente tenho um supermercado, poderei transformá-lo numa Franquia Minipreço?

Sim, a nossa equipa de expansão terá de validar se o local cumpre as características mínimas definidas para uma loja Franquia Minipreço (localização, tamanho, custos, etc.). Caso a avaliação seja positiva, a DIA acompanhará todo o processo de reconversão.

4. Poderei ter mais do que uma loja?

Sim, mas antes de dar este passo é importante garantir que o negócio está consolidado e que todas as condições necessárias estão reunidas (experiência, equipada formada, capacidade financeira, etc.).

 más 

Contrato

Um contrato que contempla os três pilares fundamentais: marca, know-how e apoio

1. Qual é a duração do contrato?

Depende do modelo de franquia. O contrato pode ser válido inicialmente por 1 ou 2 anos, sendo renovado automaticamente todos os anos, desde que não denunciado por nenhuma das partes.

2. Pode qualquer das partes extinguir o contrato?

Sim, qualquer uma das partes pode denunciar o contrato no final de cada período contratual em curso.

3. Existe uma zona de exclusividade definida?

Sim, o contrato de franquia contempla uma zona de exclusividade geográfica, por loja e por modelo comercial.

mas

Contrato

1. Qual é a duração do contrato?

Depende do modelo de franquia. O contrato pode ser válido inicialmente por 1 ou 2 anos, sendo renovado automaticamente todos os anos, desde que não denunciado por nenhuma das partes.

2. Pode qualquer das partes extinguir o contrato?

Sim, qualquer uma das partes pode denunciar o contrato no final de cada período contratual em curso.

3. Existe uma zona de exclusividade definida?

Sim, o contrato de franquia contempla uma zona de exclusividade geográfica, por loja e por modelo comercial.

 más 

Abertura

Ajudamo-lo a construir o seu negócio

1. Com que apoios posso contar?

Na fase de implementação, ajudamo-lo a construir o seu negócio, desde a escolha do local, passando pelo projeto, pelo acompanhamento da obra e da instalação dos diversos equipamentos, dos aspetos legais, pela sua formação e dos seus colaboradores, montagem da imagem institucional e a respetiva promoção da sua unidade de negócio. Mais adiante, e após a abertura de loja, continuará a contar com acompanhamento personalizado. Focados na preservação da imagem Minipreço, dedicaremos particular atenção à otimização de custos. Através do aconselhamento e promoção de boas práticas de gestão, promovemos a rentabilidade do seu negócio e por conseguinte a sua e a nossa satisfação.

2. De quantas pessoas vou precisar?

Uma das nossas satisfações é o facto de, através deste processo, conseguirmos ter um papel ativo na criação de emprego. No entanto, a resposta à sua questão só poderá ser respondida com segurança estando na posse de toda a informação relativa ao seu negócio. Mas podemos desde já afirmar que dificilmente estarão fora do intervalo entre cinco e nove trabalhadores.

mas

Abertura

1. Com que apoios posso contar?

Na fase de implementação, ajudamo-lo a construir o seu negócio, desde a escolha do local, passando pelo projeto, pelo acompanhamento da obra e da instalação dos diversos equipamentos, dos aspetos legais, pela sua formação e dos seus colaboradores, montagem da imagem institucional e a respetiva promoção da sua unidade de negócio. Mais adiante, e após a abertura de loja, continuará a contar com acompanhamento personalizado. Focados na preservação da imagem Minipreço, dedicaremos particular atenção à otimização de custos. Através do aconselhamento e promoção de boas práticas de gestão, promovemos a rentabilidade do seu negócio e por conseguinte a sua e a nossa satisfação.

2. De quantas pessoas vou precisar?

Uma das nossas satisfações é o facto de, através deste processo, conseguirmos ter um papel ativo na criação de emprego. No entanto, a resposta à sua questão só poderá ser respondida com segurança estando na posse de toda a informação relativa ao seu negócio. Mas podemos desde já afirmar que dificilmente estarão fora do intervalo entre cinco e nove trabalhadores.

 más 

Comercial

Uma política comercial definida para oferecer ao cliente os melhores preços do mercado

1. Quem define o sortido da loja?

A DIA define o sortido de cada loja com base no seu saber fazer. O objetivo é definir uma oferta de sortido que potencie a venda e a rotação dos produtos.

2. As secções de talho e peixaria poderão integrar o sortido da minha loja?

Sim, sempre que a loja reúna as condições necessárias para as secções integrarem a oferta da loja. A DIA considera uma mais-valia.

3. Posso realizar compras de artigos definidos no sortido da DIA a outros fornecedores?

Não, numa loja Minipreço, é a DIA que fornece a totalidade dos artigos que fazem parte do sortido da loja. Só assim se poderá garantir a qualidade do respetivo sortido.

4. É possível incorporar artigos que a DIA não comercialize no sortido da loja?

Desde que autorizado pela DIA e que sejam produtos de origem regional. Numa loja Minipreço, a oferta comercial é sempre defina por nós, com exceção das secções de perecíveis cujos artigos não façam parte da nossa oferta comercial.

5. Existem restrições à definição do preço para cada artigo?

Os franqueados têm liberdade de definição do preço desde que não ultrapasse o preço máximo de venda indicado pela DIA.

6. Os descontos oferecidos aos clientes afetam a margem?

Não, todas as promoções que façam parte da nossa dinâmica promocional não afetam a margem do nosso franqueado. Para isto a DIA conta com um sistema de compensação das promoções.

7. Relativamente à publicidade? Como funciona e quem a paga?

A DIA faz, com regularidade, campanhas publicitárias de âmbito e cobertura nacional através dos principais canais de rádio e televisão. Para além da imagem institucional, proporcionamos semanalmente os tradicionais folhetos de campanha.

8. Quem irá definir o espaço de cada artigo em loja?

Consoante a superfície e o sortido definido para a sua loja, a DIA organizará a colocação de cada artigo, de forma a potenciar a venda e a rotação do sortido.  

mas

Comercial

1. Quem define o sortido da loja?

A DIA define o sortido de cada loja com base no seu saber fazer. O objetivo é definir uma oferta de sortido que potencie a venda e a rotação dos produtos.

2. As secções de talho e peixaria poderão integrar o sortido da minha loja?

Sim, sempre que a loja reúna as condições necessárias para as secções integrarem a oferta da loja. A DIA considera uma mais-valia.

3. Posso realizar compras de artigos definidos no sortido da DIA a outros fornecedores?

Não, numa loja Minipreço, é a DIA que fornece a totalidade dos artigos que fazem parte do sortido da loja. Só assim se poderá garantir a qualidade do respetivo sortido.

4. É possível incorporar artigos que a DIA não comercialize no sortido da loja?

Desde que autorizado pela DIA e que sejam produtos de origem regional. Numa loja Minipreço, a oferta comercial é sempre defina por nós, com exceção das secções de perecíveis cujos artigos não façam parte da nossa oferta comercial.

5. Existem restrições à definição do preço para cada artigo?

Os franqueados têm liberdade de definição do preço desde que não ultrapasse o preço máximo de venda indicado pela DIA.

6. Os descontos oferecidos aos clientes afetam a margem?

Não, todas as promoções que façam parte da nossa dinâmica promocional não afetam a margem do nosso franqueado. Para isto a DIA conta com um sistema de compensação das promoções.

7. Relativamente à publicidade? Como funciona e quem a paga?

A DIA faz, com regularidade, campanhas publicitárias de âmbito e cobertura nacional através dos principais canais de rádio e televisão. Para além da imagem institucional, proporcionamos semanalmente os tradicionais folhetos de campanha.

8. Quem irá definir o espaço de cada artigo em loja?

Consoante a superfície e o sortido definido para a sua loja, a DIA organizará a colocação de cada artigo, de forma a potenciar a venda e a rotação do sortido.  

 más 

Operativa

A operação da loja é simples, eficiente e direcionada para o baixo custo

1. Como é feita a gestão do stock?

A DIA proporciona-lhe o acesso a um sistema totalmente informatizado e em constante comunicação com os nossos serviços. Esta solução permitir-lhe-á gerir o seu stock de modo simples e rigoroso.

2. Qual é a periodicidade dos abastecimentos?

A cadência de abastecimentos é definida loja a loja tendo em conta a venda. A logística está sustentada em três plataformas logísticas com o objectivo de proporcionar uma maior eficiência.

3. Que apoio posso esperar da estrutura DIA?

Será definido um supervisor que o irá acompanhar e prestar todo o apoio necessário na gestão da sua loja.

4. Após a abertura continuo a ter o vosso apoio?

Com toda a certeza! Antes, durante e depois! Estaremos sempre consigo! Contamos com um quadro de colaboradores especializados nas diversas áreas do seu negócio, apontando direções e solucionando problemas, procuramos a cada instante mantê-lo focado no objetivo comum: o crescimento do negócio.

Para cada loja é definido um supervisor que, no mínimo, visitará a loja uma vez por semana. Mas sempre que necessário e se justifique aumentaremos a frequência da visita.

5. Como é definido o horário de funcionamento da loja?

O horário é definido tendo por base a garantia do melhor serviço ao cliente e maximizar a rentabilidade do franqueado.

mas

Operativa

1. Como é feita a gestão do stock?

A DIA proporciona-lhe o acesso a um sistema totalmente informatizado e em constante comunicação com os nossos serviços. Esta solução permitir-lhe-á gerir o seu stock de modo simples e rigoroso.

2. Qual é a periodicidade dos abastecimentos?

A cadência de abastecimentos é definida loja a loja tendo em conta a venda. A logística está sustentada em três plataformas logísticas com o objectivo de proporcionar uma maior eficiência.

3. Que apoio posso esperar da estrutura DIA?

Será definido um supervisor que o irá acompanhar e prestar todo o apoio necessário na gestão da sua loja.

4. Após a abertura continuo a ter o vosso apoio?

Com toda a certeza! Antes, durante e depois! Estaremos sempre consigo! Contamos com um quadro de colaboradores especializados nas diversas áreas do seu negócio, apontando direções e solucionando problemas, procuramos a cada instante mantê-lo focado no objetivo comum: o crescimento do negócio.

Para cada loja é definido um supervisor que, no mínimo, visitará a loja uma vez por semana. Mas sempre que necessário e se justifique aumentaremos a frequência da visita.

5. Como é definido o horário de funcionamento da loja?

O horário é definido tendo por base a garantia do melhor serviço ao cliente e maximizar a rentabilidade do franqueado.

 más 

Financeiro

A DIA oferece medidas de apoio financeiro para facilitar o acesso à rede

1. Qual o montante do investimento?

Em abstrato, a previsão de investimento situa-se normalmente no intervalo de valores entre os €150.000,00 e os €300,000,00 podendo, consoante os casos, haver variações nas cifras, dadas como mera referência.

2. A DIA comparticipa parte do investimento?

Existe essa possibilidade. Não de uma forma imediata mas através de um plano estabelecido. Esta possibilidade é analisada caso a caso e de uma forma particular.

3. Que garantias são necessárias?

É necessário uma garantia bancária que, segundo o modelo de loja, varia entre os 5.000€ e os 12.500€.

4. Existe direito de entrada. Qual o valor?

O valor do direito de entrada é de 300€.

5. Qual o valor dos royalties?

Nos modelos de franquia DIA não se aplicam royalties.

6. Qual é o prazo de pagamento da mercadoria inicial?

O pagamento da mercadoria inicial (stock inicial) poderá ser feito num máximo de 36 meses, sem aplicar quaisquer juros. Quanto aos abastecimentos após abertura, os mesmos serão pagos no ato da entrega, com exceção dos artigos que são faturados a 30 dias.

7. Mas a concorrência facilita o pagamento?

Nós não… Compreendemos que em fase de arranque seja um pouco mais difícil. Mas o nosso objetivo só pode ser alcançado com disciplina e solidez financeira. Depois tudo se torna mais fácil! Até porque só compra a mercadoria que já vendeu e o resultado da venda terá de servir a reposição de produto, ou seja, é reinvestido.

8. Que nível de faturação posso esperar?

Só com o conhecimento das variáveis necessárias à produção dessa estimativa é que poderíamos apontar um eventual patamar de faturação. Basicamente e entre outros, temos de ter em conta fatores como a localização, o modelo de loja, a população existente na área de influência do seu supermercado, bem como o seu poder de compra e finalmente a concorrência. Com resultados satisfatórios propor-lhe-emos a abertura de franquia Minipreço.

9. A franquia Minipreço é um negócio garantido?

Não, como qualquer negócio e qualquer franquia, existe sempre um risco empresarial para ambas as partes.

10. Devo trabalhar com algum contabilista ou assessor financeiro indicado pela DIA?

Não, a contratação de qualquer serviço externo inerente ao negócio será contratado diretamente pelo franqueado.

mas

Financeiro

1. Qual o montante do investimento?

Em abstrato, a previsão de investimento situa-se normalmente no intervalo de valores entre os €150.000,00 e os €300,000,00 podendo, consoante os casos, haver variações nas cifras, dadas como mera referência.

2. A DIA comparticipa parte do investimento?

Existe essa possibilidade. Não de uma forma imediata mas através de um plano estabelecido. Esta possibilidade é analisada caso a caso e de uma forma particular.

3. Que garantias são necessárias?

É necessário uma garantia bancária que, segundo o modelo de loja, varia entre os 5.000€ e os 12.500€.

4. Existe direito de entrada. Qual o valor?

O valor do direito de entrada é de 300€.

5. Qual o valor dos royalties?

Nos modelos de franquia DIA não se aplicam royalties.

6. Qual é o prazo de pagamento da mercadoria inicial?

O pagamento da mercadoria inicial (stock inicial) poderá ser feito num máximo de 36 meses, sem aplicar quaisquer juros. Quanto aos abastecimentos após abertura, os mesmos serão pagos no ato da entrega, com exceção dos artigos que são faturados a 30 dias.

7. Mas a concorrência facilita o pagamento?

Nós não… Compreendemos que em fase de arranque seja um pouco mais difícil. Mas o nosso objetivo só pode ser alcançado com disciplina e solidez financeira. Depois tudo se torna mais fácil! Até porque só compra a mercadoria que já vendeu e o resultado da venda terá de servir a reposição de produto, ou seja, é reinvestido.

8. Que nível de faturação posso esperar?

Só com o conhecimento das variáveis necessárias à produção dessa estimativa é que poderíamos apontar um eventual patamar de faturação. Basicamente e entre outros, temos de ter em conta fatores como a localização, o modelo de loja, a população existente na área de influência do seu supermercado, bem como o seu poder de compra e finalmente a concorrência. Com resultados satisfatórios propor-lhe-emos a abertura de franquia Minipreço.

9. A franquia Minipreço é um negócio garantido?

Não, como qualquer negócio e qualquer franquia, existe sempre um risco empresarial para ambas as partes.

10. Devo trabalhar com algum contabilista ou assessor financeiro indicado pela DIA?

Não, a contratação de qualquer serviço externo inerente ao negócio será contratado diretamente pelo franqueado.